Saiba como utilizar a decoração industrial para transformar o ambiente

Saiba como utilizar a decoração industrial para transformar o ambiente - Ademilar

A decoração industrial reúne essencialmente elementos primários de construções aplicados de forma estratégica. Cada vez mais esse estilo é explorado para quem busca opções modernas, em especial, devido à sua versatilidade. Naturalmente, a decoração vai além da estética, uma vez que pode contribuir até mesmo com a qualidade de vida. Isso se deve ao fato de que a forma de compor os ambientes possui um impacto significativo no bem-estar, funcionalidade, concentração e outras questões de grande relevância.

Com os elementos adequados, há a possibilidade de estabelecer o equilíbrio entre praticidade, conforto e o tipo de design almejado para o ambiente. É justamente a harmonia entre esses fatores que potencializa a decoração.

O estilo industrial apresenta a grande vantagem de ser atemporal. Além disso, viabiliza as mais variadas combinações de texturas, tonalidades, estampas e materiais. A diversidade está relacionada ao fato de o mobiliário e outros fatores desse estilo não apresentarem “exatidão”, permitindo que diferentes perfis de proprietários sejam atendidos.

É importante citar que dependendo do local pode ser necessário o uso de materiais mais específicos, como para pintura intumescente, ideal para estruturas metálicas e aplicada como proteção contra fogo.

Os traços de maior destaque

Uma vez que a origem do estilo industrial é a década de 70, em meio às transformações de galpões em moradias, os traços urbanos e modernos integram sua essência.  Entre os aspectos mais comuns podemos destacar:

  • Tijolos com tons de laranja e vermelho
  • Concreto
  • Portas e janelas metálicas
  • Tubulações aparentes
  • Madeira
  • Piso de cimento
  • Colunas e vigas

Além desses, papéis de parede, acessórios e mobílias repaginados, assim como a mistura com outros estilos, tornam possíveis abordagens criativas, aliando serviços como a lapidação de concreto e trabalhos em madeira.

Uma das principais ideias é otimizar os ambientes, o que também envolve as esquadrias instaladas, que comumente são largas, compostas por ferro e vidro. Elas podem contribuir para um melhor aproveitamento da luz natural e a sensação de ambientes ainda mais amplos. 

Caso a ideia de adotar o estilo industrial esteja atrelada ao início de uma construção ou reforma com suporte profissional – como de uma empresa de planejamento e gestão de obras – é importante esclarecer quais são os pontos que podem favorecer esse tipo de ambiente, em que predominam não apenas estruturas expostas, mas também espaços rudimentares e amplos.

Dessa maneira, a integração de ambientes é priorizada, principalmente para atender à funcionalidade e valorizar ainda mais os elementos da construção.

Dicas para usar em diferentes ambientes

Por mais que os traços de maior destaque sejam apresentados na decoração, na prática pode ser difícil ter noção de quais elementos são favoráveis para determinados ambientes. Por essa razão, é interessante que exista atenção e, de preferência, suporte profissional.

Há diversas formas de aplicar o estilo industrial nos ambientes e sugestões para aprimorar a adoção do estilo:

Escritório

Seja em uma residência ou em uma corporação, para os empreendedores que almejam seguir traços industriais é imprescindível que o escritório seja favorável à produtividade.

Nesse caso, pode ser interessante aplicar elementos como a janela antirruído para contribuir com a concentração. Para além disso, é importante que tons de madeira e os metais sejam utilizados de maneira estratégica.

Cozinha

Para a cozinha com decoração industrial, comumente há implantação de ilha central, luminárias pendentes e cores sóbrias, de preferência acompanhando um design simples e recursos funcionais.  

Tons ferrosos, uso de persianas, madeira, peças de cobre e até mesmo o tradicionalismo do aço inox podem estar presentes.

Sala de jantar

Assim como na cozinha, a funcionalidade e simplicidade comumente são priorizadas na sala de jantar. A madeira é com frequência um material predominante no piso e na mesa de jantar, assim como vigas e tubulações evidentes.

Por mais que a madeira tenha grande visibilidade, para quem busca formas diferenciadas de implantar o estilo é possível apostar em pastilhas escuras e hexagonais no piso, que remetem justamente a materiais aplicados em indústrias.

Elementos de metal, como componentes de armários e cadeiras, podem contribuir com o cenário, porém é preciso que a harmonia seja preservada.

Quarto

No caso dos dormitórios, tons amadeirados e textura de tijolos podem ser aplicados, sendo possível mesclar diferentes revestimentos. 

Para quem busca praticidade, papéis de parede no estilo industrial são uma boa opção com estampa de tijolos ou aspecto de concreto polido. É possível também integrar elementos decorativos em tons terrosos ou frios.

Não apenas no dormitório, mas em ambientes variados em que a decoração industrial seja trabalhada, pode-se adotar peças em madeira para a decoração, flores, tambores e/ou baús, além de itens mais diferenciados, como um painel luminoso de LED. Elementos mais claros também ajudam a equilibrar o ambiente e trazer conforto.

É possível combinar a decoração industrial com outros estilos?

Para compor a decoração, uma dica consiste em apostar na mistura de estilos totalmente opostos, como o industrial e o rústico. Seria basicamente uma opção minimalista e moderna com outra de aspecto campestre, de acordo com os elementos selecionados. 

Por exemplo, as linhas retas de um armário sob medida podem ser combinadas com formas diferenciadas, assim como é possível mesclar itens modernos com elementos antigos.

Outras questões facilitam a harmonia, por exemplo, manter o ambiente com cores sóbrias é uma alternativa para quem almeja integrar os estilos industrial e clássico, ou até mesmo o romântico, que apresenta tons pastéis e elementos de veludo. Isso porque a paleta adequada de cores unifica a decoração.

A sustentabilidade e a decoração industrial

O conceito de sustentabilidade está relacionado ao uso mais consciente dos recursos naturais para a preservação do meio ambiente. No estilo industrial, há diversas oportunidades de implantar esse conceito, pois favorece o reúso de diversos itens, especialmente da construção civil.

De modo geral, é importante que a base da decoração siga os 3Rs da sustentabilidade: reutilização, reciclagem e redução, buscando promover novas maneiras de utilizar os materiais.

Por exemplo, no caso das tubulações aparentes, é possível reaproveitar tubos sem função, que podem compor jardins verticais ou até mesmo uma luminária.

O reaproveitamento também permite personalizar elementos, o que contribui com um espaço ainda mais especial, seja em uma empresa ou na residência.

Com as informações apresentadas pode-se observar que o estilo industrial reúne uma série de alternativas para transformar os ambientes. Mas é preciso que a incorporação seja devidamente elaborada para garantir a harmonia no local.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Veja também: Conheça o estilo de decoração high-low

Sobre a Ademilar

A Ademilar é especialista e pioneira em consórcio de imóveis no Brasil, desde 1991 já atendeu mais de 60 mil clientes e comercializou mais de 14 bilhões em créditos. Se o seu objetivo é comprar, construir, reformar, investir em imóveis, garantir o futuro dos filhos ou fazer uma aposentadoria imobiliária, a Ademilar irá te ajudar a planejar o seu futuro e o de sua família!

Acesse o site e faça uma simulação www.ademilar.com.br

Conheça mais sobre consórcio

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *