Saiba como funciona o Conselho Monetário Nacional

Saiba como funciona o Conselho Monetário Nacional - Ademilar

Todo brasileiro devia ficar atento ao que é decidido sobre a economia nacional. Afinal, é nosso dinheiro que está em jogo, certo? Sabendo da importância disso, a equipe do blog da Ademilar resolveu abordar temas relacionados a essa área do conhecimento. Então, se você pretende fazer um consórcio de imóveis ou comprar algo, fique atento ao que será publicado aqui.

O órgão mais importante do Sistema Financeiro Nacional é o Conselho Monetário Nacional (CMN), criado pela Lei 4.595, de 31 de dezembro de 1964. É esse órgão o responsável por formular a política de moeda e de crédito, desenvolvimento econômico e social do País e a estabilidade da moeda.

Como ocorrem as decisões?

Todo mês, um grupo formado pelo Ministro da Fazenda, Guido Mantega; a Ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão, Miriam Aparecida Belchior; e o Presidente do Banco Central do Brasil, Alexandre Antonio Tombini, se reúne no conselho  monetário nacional com membros da Comissão Técnica da Moeda e do Crédito (COMOC) – órgão que assessora a formulação da política da moeda e do crédito – para discutir as questões do País.

Se houver necessidade, há mais de uma reunião por mês. O Banco Central é o responsável por organizar os encontros. As decições do Conselho são publicadas no Diário Oficial da União.

Veja também: Sustentabilidade também na construção civil

Sobre a Ademilar

A Ademilar é especialista e pioneira em consórcio de imóveis no Brasil, desde 1991 já atendeu mais de 50 mil clientes e comercializou mais de 10,5 bilhões em créditos. Se o seu objetivo é comprar, construir, reformar, investir em imóveis, garantir o futuro dos filhos ou fazer uma aposentadoria imobiliária, a Ademilar irá te ajudar a planejar o seu futuro e o de sua família!

Acesse o site e faça uma simulação www.ademilar.com.br

Conheça mais sobre consórcio

2 comentários em “Saiba como funciona o Conselho Monetário Nacional

    • Ademilar Consórcio de Imóveis says:

      João, tudo bem?
      De acordo com a Lei 6.045, o Conselho deliberará por maioria de votos com a presença, no mínimo, de seis membros, cabendo ao Presidente o voto de qualidade.
      Obrigado pela visita! 🙂

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *